Já faz algum tempo que a cultura ocidental está trazendo de volta os clássicos do passado. Em especial o que fez sucesso nos anos 80. Há espaço também para sucessos mais antigos e os nem tão antigos assim. O fato é que o retorno de clássicos já consagrados, está mexendo com o mercado e as emoções em geral.
Impulsionado em grande parte pelo cinema, muitas sagas tiveram capítulos adicionados, dando sequência para estórias que amamos no passado e teremos muito interesse em saber de suas continuações. Outros títulos foram refilmados, e alguns nos remetem ao passado por vários outros motivos.

Para exemplificar, vou começar citando filmes lançados entre 2014 a 2016. Em seguida, vamos viajar por outros aspectos de nossa cultura. Observe a lista e tire suas conclusões:

Filmes 2014

Guardiões da Galáxia e sua trilha sonora 100% retrô, e mais alguns elementos de vestuários e objetos. Malévola, que trás um novo significado à uma fábula antiga e bem conhecida. Planeta dos Macacos o Confronto, sucesso desde 1968. Godzilla, o lendário rei dos monstros, um reboot do original de 1954. Mercenários 3, com os maiores astros de ação de todos os tempos (Sylvester Stallone; Jason Statham; Antonio Banderas; Jet Li; Wesley Snipes; Dolph Lundgren; Terry Crews; Mel Gibson; Harrison Ford e Arnold Schwarzenegger) Só esse elenco já é pura nostalgia. Robocop, dirigido pelo brasileiro José Padilha. Aliás, continuação do original de 1987. As Tartarugas Ninja, sucesso nos desenhos animados e HQs desde 1984, que foi para as telonas. Transformers Era da Extinção, da saga que envolveu uma geração de meninos apaixonados por carros que viram robôs, com animações para o cinema e TV desde 1986.

Filmes 2015

Creed Nascido para Lutar, a continuação da saga Rocky, com filmes lançados em 1976, 1979, 1982, 1985, 1990 e 2006. Mad Max Estrada da Fúria, e o futuro sempre apocalíptico, com capítulos lançados em 1979, 1981 e 1985. Star Wars O despertar da força, e todo seu universo. Lançado em 1977,  e demais capítulos em 1980, 1983, 1999, 2002, 2005 e 2008. Jurassic World, revivendo as feras que fizeram sucesso na década de 1990. O Exterminador do Futuro Gênesis. Lançado em 1984 e sequencias em 1991, 2003 e 2009. Missão Impossível 5 Nação Secreta, mostrando que Tom Cruise não e só um rostinho bonito, desde 1996, com missões adicionais em 2000, 2006 e 2011. 007 Contra Spectre, dispensa comentários. Pixels, revivendo as aventuras em 8 bits do princípio dos jogos eletrônicos. Peter Pan, sucesso da Disney desde 1953. Cinderela, o eterno clássico escrito pelos irmãos Grimm.

Filmes 2016

Caça Fantasmas, agora numa versão feminina do original de 1984. Mogli O Menino Lobo, um remake de 1967. A Lenda de Tarzan, sucesso ainda em preto e branco. Independence Day O Ressurgimento, exatos 20 anos depois. Star Trek Sem Fronteiras, sucesso nerd. Baseado na série de TV lançada em 1966. Alice Através do Espelho, mais um capítulo da fábula da menina Alice, com texto original de 1865. Ben-Hur, sucesso em 1959 e certamente em 2016, com Rodrigo Santoro. Tartarugas Ninja, novamente! Star Wars Rogue One, confirmado para o Dezembro de 2016.
Foram apenas alguns exemplos, e certamente eu deixei passar algum título. Tenho certeza de que esta lista pode ser atualizada. Lembrou de algum? Deixe nos comentários.

Produtos Nacionais anos 80 ou menos

O mercado brasileiro tem percebido essa onda e já tem iniciativas em diversas áreas.
A Nestlé relançou o Chocolate Lollo, sucesso na década de 80. A iniciativa veio após inúmeros pedidos de consumidores via Facebook da empresa.
Com a Pepsico, foi a vez do famoso Mirabel, sinônimo de wafer para muita gente como eu. Um dos meus lanches preferidos na escola.
A Brastemp resgatou o Frigobar Retrô 76, um modelo de frigobar dos anos 1950.
A Olympikus, fabricante de material esportivo, lançou a Linha 1976, inspirada em clássicos modelos do passado da marca.
A Fabricante de brinquedos Estrela, trouxe de volta diversos brinquedos que ajudaram a educar e alegrar as crianças dos anos 1980. Alguns exemplos são: Gênius, Boca Rica, Pula Pirata, Boneca Susi, Ferrorama, Forte Apache, Boneca Feijãozinho e jogos como: Detetive, Banco Imobiliário, Combate, Lig4 e Scotland Yard.

Roupas dos anos 80

A indústria da moda, uma das maiores expressões da cultura, também está revisitando os anos 80. Muita gente mais nova pode não saber, mas alguns itens da moda atual, já foram moda há 30 anos. Para citar alguns exemplos: O macacão, conhecido também por jardineira. O Jeans Destroyed. As cores Neon. A Camisa Xadrez. As Calças boca de sino, sucesso nos anos 1970. Calças, Shorts e Saias Cintura Alta, também são uma herança do passado. A mochila substituindo a bolsa e as Calças Estampadas.

Automóveis anos 80

Dentre os modelos de automóveis, podemos citar a volta do Mini, do Fiat 500 e do Camaro. Alguns modelos são claramente inspirados em modelos do passado, como é o caso do PT Cruiser da Chrysler e o Jeep Renegade. Ainda estão prometidos o relançamento de modelos como Monza, Santana e Escort.

Músicas anos 80 – Bandas que voltaram

O filme Guardiões da Galáxia de 2014 por exemplo, contou com uma trilha sonora totalmente retrô, com sucessos que incluíam Jackson Five e David Bowie. O que, juntamente com os efeitos especiais, roteiro, elenco etc… Ajudou a conquistar o coração dos marmanjos que assistiam ao longa. Acima você pode ouvir toda trilha sonora do filme Guardiões da Galáxia.

As músicas anos 80 ainda fazem tanto sucesso, que existe uma festa dedicada exclusivamente a tocar estas músicas. Trazem de volta artistas que fizeram sucesso nesta época, em festas organizadas por todo país. A fan page da festa no Facebook conta com mais de 28 mil seguidores.

No cenário nacional, tivemos o retorno de bandas como Titãs, Kid Abelha, Roupa Nova e Ultraje a Rigor, por exemplo. Todos tiveram seu auge nos anos 80.  Esqueci alguns nomes, tenho certeza. Se lembrou de mais alguma abanda ou cantores, me deixa nos comentários que adiciono.

Programas de TV anos 80 ou mais

Sem sombra de dúvidas que as novelas são um grande símbolo da cultura nacional. Algumas pessoas podem ter deixado passar despercebido, mas a novela Haja Coração, exibida pela Rede Globo, é uma releitura da novela Sassaricando de 1987.

O programa humorístico Tá no Ar: a TV na TV comandado por Marcelo Adnet, lembra muito o antigo TV Pirata, exibido na década de 1990.

O retorno da Escolinha do Professor Raimundo, exibida inicialmente entre 1990 e 1995, com Bruno Mazzeo substituindo seu pai Chico Anísio, como o Professor Raimundo. E Lúcio Mauro Filho substituindo seu pai Lúcio Mauro como Aldemar Vigário. Todo elenco foi substituído e alguns humoristas da nova geração destacam-se, como é o caso de Dani Calabresa, interpretando Catifunda.

Para 2017 já se anuncia a volta do programa Os Trapalhões. Contando com Renato Aragão e Dedé Santana. A Globo revive o humor inocente de Didi, Dedé, Mussum e Zacarias. Sucesso entre adultos e crianças na década de 1980.

O Canal Viva, parte do grupo Globosat de canais por assinatura, conta exclusivamente com reexibições de programas da Rede Globo, normalmente humorísticos e novelas. Muitos das décadas de 1980 e 1990.

Consoles anos 80

nintendo anos 80
A gigante dos games eletrônicos Nintendo, anunciou para novembro de 2016 o lançamento de uma versão reduzida do NES (Nintendo Entertainment System) com 30 jogos na memória. Os títulos foram sucesso nos anos 80, no princípio dos vídeo games.

Seu rival na época o console Mega Drive já está confirmado pela Sony para ser relançado em 2017 com uma edição limitada. Com design original, entrada para cartuchos e 22 jogos na memória.

Séries anos 80 ou quase isso

Este slideshow necessita de JavaScript.

A série Stranger Things, recém-lançada pela Netflix, além de um grande roteiro de ficção, foi ambientada no ano de 1983. Um grupo de crianças vivendo aventuras, envoltos na “tecnologia” e inocência da época, faz sucesso dentre os trintões.
Não podemos esquecer-nos do relançamento da Série Arquivo X. Dana Scully e Fox Mulder estão de volta numa busca incansável pela verdade. Sucesso absoluto nos anos 1990, entre os fãs de mistério, conspirações e alienígenas. Exibido na época em TV aberta pela Rede Record.

Para os fãs da cultura Hip Hop a Netflix investiu na série The Get Down. Contando a origem do Hip Hop. A série ambientada em 1977 no bairro do Bronx, mostra a realidade da época e como tudo convergiu para o surgimento desta cultura tão rica.

Já está convencido de que o passado está sendo revivido em massa por diversos segmentos culturais e comerciais? Mas porquê isso está ocorrendo? Como você pode se beneficiar disso? Continue a leitura.

Porquê os anos 80

Mas afinal, por que essa visita ao passado mexe tanto conosco? A nostalgia, claro. Mas isso explica o fenômeno de vendas? Sim, explica. Apesar de tentarmos nos convencer do contrário, toda compra é uma atitude emocional. E quando se fala em emoções, nosso passado sempre nos trará boas lembranças. Nossa infância, sempre será lembrada como algo mágico, que estaremos sempre prontos para reviver. Mesmo que seja preciso comprar um produto, um ingresso para o cinema ou um álbum antigo no itunes. Quem melhor do que a arte para tocar nossas emoções?

Como vender mais com os anos 80

Mas como empresas e vendedores podem aproveitar esse movimento? Se sua empresa tem mais de 30 anos, recomendo relembrar o que era sucesso na década de 1980 ou 1990. Pesquise junto aos seus clientes se o relançamento de um produto seria bem aceito. Se eles se recordam. Se comprariam novamente.

Caso sua empresa não tenha 3 décadas de existência ou mais, vale a pena pesquisar como era seu ramo na época. Quais os produtos mais vendidos, embalagens, sabores, moda, etc… Qualquer coisa que possa ser reapresentado para os consumidores da época, e para os consumidores mais jovens também.
A cultura POP nos anos 80 foi muito forte. Há muita referência à ela na internet, e até mesmo em filmes da época. Com facilidade você encontrará elementos que te ajudem nessa volta ao passado. Faça uma pesquisa em filmes e propagandas antigas no Youtube. Lá você também encontra músicas e playlists prontas dessa época.

Transporte seus clientes para os anos 80

Se seu negócio não pode ir tão longe como o desenvolvimento de produtos, ainda assim algo pode ser feito. Segue abaixo, uma lista de iniciativas que você pode tomar para fazer seus clientes viajarem de volta até os anos 80. As sugestões podem ser executadas isoladamente ou em conjunto. Recomendo que apenas por um intervalo de tempo, como 15 ou 30 dias. Se os resultados forem bons, repita. Você pode adicionar este evento no calendário anual de sua empresa.

  • Decore sua vitrine com elementos da época;
  • Decore sua empresa com elementos da época (discos de vinil, posteres e objetos);
  • Faça uma playlist com músicas da época, e deixe tocar como som ambiente;
  • Produza uniformes novos para a equipe, com base nos modelos da época;
  • Sirva drinks não alcoólicos em copos de cores neon, ou use canudos de cores neon;
  • Exiba numa TV propagandas da época (melhor se forem das marcas que você vende);
  • Exiba numa TV filmes de sucesso da época;
  • Exiba numa TV videoclipes de músicas da época;
  • Convide um Cantor(a) para fazer uma apresentação somente com músicas da época;
  • Coloque em exibição objetos da época, cedidos por um colecionador;
  • Se você tiver espaço, exiba um automóvel ou moto de colecionadores;
  • Exiba móveis antigos em sua empresa;
  • Adicione produtos à sua linha, que sejam inspirados nos produtos da época;
  • Organize um coquetel para seus clientes com o máximo possível dos elementos acima;

Se você tiver mais alguma sugestão de iniciativas, deixe nos comentários que eu faço questão de adicionar à lista.

Conclusão:

Não esqueça de envolver seus colaboradores no processo e de fazer muita publicidade sobre isso. Dê um nome para o período, algo como “Quinzena anos 80” e divulgue para seus clientes. Assim como os filmes de Hollywood, inicie a divulgação antes do período e continue divulgando durante. Leve seus clientes nessa viajem e colha bons resultados.

Contratar um vitrinista, decorador de ambientes ou festas pode ser uma ótima opção caso você não leve muito jeito com decorações.

Se você executar uma das sugestões acima, me diga o que achou. Como foi a experiência para você e sua equipe, e os resultados que vieram dessa ação. Faço questão de saber sua estória e divulgar aqui no blog.

Abraços, boas vendas e te desejo sucesso!

 

Você também deve gostar

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: